Avaliação do fator de deformação redundante em trefilação de barras de cobre eletrolítico

Biblioteca Digital - UFMG

Avaliação do fator de deformação redundante em trefilação de barras de cobre eletrolítico

Show full item record

Title: Avaliação do fator de deformação redundante em trefilação de barras de cobre eletrolítico
Author: Haroldo Beria Campos
Orientador: Paulo Roberto Cetlin
Banca:
Presidente: Paulo Roberto Cetlin
Membro: Berenice Mendonca Gonzalez; Juan Alberto Giosa
Subject: Deformações (Mecânica) Teses.; Engenharia metalúrgica Teses.
Palavra-chave: Engenharia Metalúrgica e de Minas
Date: 19-12-1988
Publisher: UFMG
Abstract: Em razão da não existência de uma analise da dispersão dos valores do fator de deformação redundante (ø) e do fator de trabalho redundante (ø), o presente estudo visa desenvolvê-la. Essa análise foi feita utilizando as técnicas da superposição de curvas x e da tensão de trefilação. O cobre Eletrolítico foi o material utilizado, visando a verificação das equações propostas por Caddell e Atkins (ø = C1 + C e ø = ø i+m ) e Johson e Rowe (ø = 0,88 + 0,195 ); onde + (/r) (1+ (1-r) ½ ) 2 em que o e m são os termos da equação de Hollomon (s =sø em ) para o material recolhido. A dispersão esteve sempre abaixo de 5% em ambas as técnicas empregadas. A equação proposta por Johnson e Rowe foi verificada em um intervalo de 1,0 10,0 enquanto que as equações propostas por Cadell e Atkins não foram verificadas.
Resumo em lingue estrangeira: Due to the absence of an analysis of the dispersion of the values of the redundant deformation factor (ø) and the redundant work factor (ø), this study aims to develop it. This analysis was done using the techniques of superposition of curves x and voltage drawing. Electrolytic Copper was the material used in order to verify the models proposed by Atkins and Caddell (ø = C1 + C and o = i + m) and Johnson and Rowe (ø = 0.88 + 0.195 ), where + ( / r) (1 + (1-r) ½) 2 oem where are the terms of Hollomon equation ( ø m) for the collected material. The dispersion was always below 5% in both techniques. The equation proposed by Johnson and Rowe was seen in a range of 1.0 10.0 while the equations proposed by Atkins Cadell and unverified.
URI: http://hdl.handle.net/1843/BUOS-8DGEP2

Files in this item

Files Size Format View
258m.pdf 17.66Mb PDF View/Open

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record