Redes de escrituras: confluências narrativas nos livros de processo de A pedra do reino, minissérie de Luiz Fernando Carvalho

Biblioteca Digital - UFMG

Redes de escrituras: confluências narrativas nos livros de processo de A pedra do reino, minissérie de Luiz Fernando Carvalho

Show full item record

Title: Redes de escrituras: confluências narrativas nos livros de processo de A pedra do reino, minissérie de Luiz Fernando Carvalho
Author: Tailze Melo Ferreira
Orientador: Leda Maria Martins
Banca:
Presidente: Leda Maria Martins
Membro: Reinaldo Martiniano Marques; Sonia Maria de Melo Queiroz; Ivete Lara Camargos Walty; Fernando Antônio Resende
Suplente: Marcos Antonio Alexandre; Mírian Sousa Alves
Subject: Suassuna, Ariano , 1927-2014 . Romance d'a pedra do reino e o príncipe do sangue vai-e-volta Crítica e interpretação Teses.; A pedra do reino (Minissérie) Teses.; Televisão Minisséries Teses .; Ficção brasileira Teses .; Literatura brasileira Adaptações para a televisão Teses .; Pensamento crítico Teses .; Tradução intersemiótica .
Palavra-chave: Crítica genética; Rede; Microssérie A Pedra do Reino
Date: 22-05-2015
Publisher: UFMG
Abstract: Esta pesquisa investiga os documentos de processo como redes de escrituras e, nesse sentido, também como espaço de confluências narrativas resultantes de movimentos tradutórios. Para refletir sobre o processo criativo da microssérie 'A pedra do Reino', tomamos como objeto de estudo o conjunto dos seis livros de processo do diretor Luiz Fernando Carvalho, publicados por ocasião da exibição da microssérie em junho de 2007, na TV Globo. A referida microssérie é uma tradução da obra 'Romance d' Pedra do Reino e o príncipe do sangue do vai e volta' do escritor paraibano Ariano Suassuna. Assim, no caso dos livros de processo de Carvalho, o movimento escritural se origina pela interlocução com a obra de Suassuna, sendo, pois, tal gesto criativo de natureza marcadamente intertextual. A análise realizada se concentra na apreensão do movimento tradutório buscando interpretar pontos importantes da tradução intersemiótica realizada - ainda sob a forma do inacabado - do romance de Suassuna aos elementos narrativos da microssérie. Para empreender tal análise, recorremos aos domínios teóricos relacionados à crítica genética e à recentemente denominada crítica de processo. Tratam-se de importantes aportes conceituais que se voltam para a investigação do processo criativo em diferentes sistemas semióticos e cujas perspectivas, uma vez atreladas à noção de rizoma, nos permitem compreender a criação como rede em processo. Nesse sentido, a leitura empreendida dos documentos de processo analisados foi realizada buscando interconectar procedimentos de criação que formam uma rede de sentidos extraída das possibilidades, sempre plurais, que a escritura nos apresenta no seu momento genético
Resumo em lingue estrangeira: This research investigates the process documents as networks of writing and, accordingly, as well as a space of overlaps and narrative confluences resulting of translating movements. In order to consider the creative process of the series 'A pedra do Reino', we take as object of study the set of the director Luiz Fernando Carvalho's six books of process, published on the occasion of the exhibition of the micro-series in June 2007. The series is a translation of the work 'Romance d' Pedra do Reino e o príncipe do sangue do vai e volta', written by Ariano Suassuna, from Paraíba - Brazil. Thus, in the case of the process of Carvalho's books, the writing movement rases from the dialogue with the work of Suassuna, being therefore, such creative gesture of remarkably intertextual nature. The analysis focuses on the seizure of the translating movement seeking to interpret important points of intersemiotic translation held - even in the form of unfinished - from Suassuna's novel to the animated narrative elements of the micro-series. To undertake such an analysis, we resort to theoretical domains related to genetics and to criticism recently called criticism of process. It is of important conceptual contributions that turn to the investigation of the creative process in different semiotic systems and whose prospects, once linked to the notion of Rhizome, allow us to understand the creation as a network in process. In this way, the reading of the documents in the analyzed process was performed in order to seek interconnect creation procedures that form a network of meanings extracted from always plural possibilities, that the writing presents us with in its genetic moment
URI: http://hdl.handle.net/1843/ECAP-9WUJF6

Files in this item

Files Size Format View
tese_redes_de_escrituras.pdf 16.10Mb PDF View/Open

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record