Monitoração ambiental realizada por empreendedores em empresas incubadas e graduadas: um estudo empírico

Biblioteca Digital - UFMG

Monitoração ambiental realizada por empreendedores em empresas incubadas e graduadas: um estudo empírico

Show full item record

Title: Monitoração ambiental realizada por empreendedores em empresas incubadas e graduadas: um estudo empírico
Author: Luiz Fernando de Barros Campos
Orientador: Ricardo Rodrigues Barbosa
Banca:
Presidente: Ricardo Rodrigues Barbosa
Membro: Renato Rocha Souza; Marcello Peixoto Bax; Jorge Alexandre Barbosa Neves; Adelaide Maria Coelho Baeta
Subject: Ciência da informação Teses.; Fontes de informação Teses.; Sistemas de informação gerencial. Teses.
Palavra-chave: Ciência da informação; Monitoração ambiental; Empreendedores; Busca e uso de informação; Fontes de informação; Incerteza ambiental; Tomada de decisão; Empresas incubadas e graduadas
Date: 23-10-2007
Publisher: UFMG
Abstract: A monitoração ambiental é definida como a busca e o uso de informação sobre eventos e tendências no ambiente externo que podem auxiliar os gerentes a tomar decisões e planejar os futuros cursos de ação da organização. Este trabalho tem como objetivo investigar o comportamento de monitoração ambiental de empreendedores em pequenas firmas incubadas e graduadas. Trata-se de uma pesquisa empírica na qual os dados foram obtidos por meio da aplicação de um survey pela Internet a 340 empreendedores de todo o país. Para a análise dos dados, aplicaram-se várias técnicas estatísticas, entre elas, a técnica multivariada denominada Modelagem de Equações Estruturais. Investigaram-se as relações entre a incerteza estratégica ambiental e o comportamento de monitoração, apurando-se que os empreendedores percebem maior incerteza em eventos e tendências ambientais mais próximos, assim como monitoram mais intensamente os setores ambientais considerados mais incertos. Constatou-se que o uso das fontes de informação na monitoração é mais influenciado pela percepção da qualidade da fonte, mesmo que em detrimento de sua acessibilidade, em consonância com recentes pesquisas internacionais. Os empreendedores de base tecnológica concentram-se em eventos e tendências ambientais mais relacionados à sua atividade, em comparação com aqueles de base não tecnológica, que valorizam mais os aspectos ambientais gerais. De modo global, os empreendedores, ao sair da fase de incubação, demonstram maior interesse na monitoração e tendem a monitorar mais intensamente. Enquanto incubados, os empreendedores consideram mais fácil o contato inicial com as fontes de informação pessoais e externas e julgam as informações provenientes dessas fontes mais relevantes, o que foi creditado à atuação das incubadoras e à formação de redes sociais e informais de aprendizagem. Mostrou-se que as dimensões da incerteza ambiental estratégica importância, complexidade e variabilidade devem ter seus efeitos analisados em separado, confirmando resultados de estudos internacionais efetuados fora da América do Norte a partir da última década; além disso, apontou-se que esses efeitos podem variar de acordo com o setor ambiental em foco. Demonstrou-se ainda que a consideração de uma dimensão relativa à incerteza no uso da informação obtida na monitoração para a tomada de decisão explica melhor o comportamento de monitoração dos empreendedores.
Resumo em lingue estrangeira: Environmental scanning is the acquisition and use of information about the external business environment that can assist management in making decisions and planning the organization's future courses of action. The present study investigates the scanning behavior of entrepreneurs in incubated and graduated small firms. Data were obtained by means of an Internet survey with 340 respondents in Brazil. Data analysis involved diverse statistical techniques, including Structural Equation Modeling. The relations between strategic environmental uncertainty and scanning behavior showed that entrepreneurs perceive higher uncertainty in events and trends of their immediate environment, and scan more intensively environmental sectors that are perceived as more uncertain. It was demonstrated that the use of information sources in scanning is more influenced by perceptions of source quality that of their accessibility. Technological entrepreneurs concentrate in environmental events and trends that are more closely related to their activities, as compared with the nontechnological ones. After the end of their incubation period, the entrepreneurs demonstrate more interest in scanning and actually scan the environment more intensively. When they are incubated, the entrepreneurs find it easier to make contacts with personal and external information sources and consider information obtained from these sources more relevant. It was demonstrated that the dimensions of the perceived strategic environmental uncertainty importance, complexity and dynamism must have their effects analyzed separately, which confirms the results of research outside North America dating from the last decade; in addition, the data suggests that these effects vary according to the environmental sector under consideration.
URI: http://hdl.handle.net/1843/ECID-79CN8E

Files in this item

Files Size Format View
mestrado___luiz_fernando_de_barros_campos.pdf 2.645Mb PDF View/Open

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record