Sistemas de informação em saúde: potencialidades metodológicas no monitoramento da mortalidade neonatal precoce

Biblioteca Digital - UFMG

Sistemas de informação em saúde: potencialidades metodológicas no monitoramento da mortalidade neonatal precoce

Show full item record

Title: Sistemas de informação em saúde: potencialidades metodológicas no monitoramento da mortalidade neonatal precoce
Author: Eliane de Freitas Drumond
Orientador: Elisabeth Barbosa Franca
Co-orientador: Carla Jorge Machado
Banca:
Presidente: Elisabeth Barbosa Franca
Co-orientador: Carla Jorge Machado
Membro: Sílvia Wanick Sarinho; Ana Maria Pereira Cardoso; Maria da Conceicao Juste W Cortes; Mariangela Leal Cherchiglia
Subject: Avaliação da pesquisa em saúde DeCS; Sistemas de informação/utilização DeCS; Bases de dados/utilização DeCS; Indicadores de produção científica DeCs; Registro médico coordenado DeCS; Lógica Fuzzy DeCS; Aplicações da epidemiologia DeCS; Sistemas de informação/tendências DeCS; Sistemas de informação/estatísticas DeCS; Sistemas de informação hospitalar/utilização DeCS; Sistemas de informação hospitalar/estatísticas DeCS; Bases de dados/estatísticas DeCS; Bases de dados/tendências DeCS; Brasil DeCS; Pesquisa/estatísticas DeCS; Pesquisa/tendências DeCS; Medline DeCS; Bibliometria DeCS; Mortalidade neonatal(Saúde Pública) DeCS; Declaração de nascimentor DeCS; Nascido vivo DeCS; Atestado de óbito DeCS; Causalidade DeCS; Causa da morte DeCS; Tese da Faculdade de Medicina. UFMG; Dissertações acadêmicas DeCS
Palavra-chave: Saúde pública
Date: 04-05-2007
Publisher: UFMG
Abstract: O objetivo desta tese de doutorado, apresentada no formato de quatro artigos, foi avaliar alternativas metodológicas para a utilização dos sistemas de informação em saúde (SIS) no monitoramento da mortalidade neonatal precoce e as potencialidades dos SIS como fontes de pesquisa científica no Brasil. Este objetivo se justifica face à importância atual do componente neonatal precoce na mortalidade infantil e ao grande volume e à relevância das informações disponíveis nos diferentes SIS. Optou-se pela abordagem quantitativa por meiode dois eixos: utilização concreta das bases de dados pelo autor e avaliação dos artigos científicos publicados em periódicos indexados no MEDLINE/PubMed. Foram eleitos dois SIS de base populacional (Sistemas de Informação sobre Mortalidade - SIM - e sobre Nascidos Vivos - SINASC) e um sistema de registro de atendimentos hospitalares da rede do SUS (Sistema de Informações Hospitalares - SIH).No primeiro artigo foi descrita a metodologia de relacionamento probabilístico dos dados do SINASC e do SIH utilizada para avaliação de subenumeração de nascidos vivos no SINASC. No segundo artigo foram comparados os resultados obtidos por meio do linkage SINASC -SIH com os dados disponibilizados na Internet pelo DATASUS. O terceiro artigo referiu-se à análise de causas múltiplas de morte neonatal precoce por meio do método Grade of Membership (GoM). No quarto artigo, realizou-se estudo bibliométrico no MEDLINE/PubMed para avaliação do crescimento e de algumas características da publicaçãocientífica baseada em dados do SIM, SINASC e SIH no período 1990-2006. Os principais resultados obtidos foram: 1) encontraram-se expressivas dificuldades para compatibilização e relacionamento das bases de dados; 2) a subenumeração de nascidos vivos ocorreu mesmo em municípios de médio e grande porte de Minas Gerais; 3) a análise de causas múltiplas de morte pelo método de GoM evidenciou diferenças no perfil de óbitos neonatais precoces segundo a natureza jurídica do hospital; 4) houve acelerado crescimento da produção científica brasileira que utilizou estes sistemas de informação, especialmente a partir do ano 2000. Nos comentários finais, foram discutidos os principais resultados e apontadas perspectivas para potencializar a utilização dos sistemas de informação nacionaiscomo fontes de informação em pesquisa científica.
Resumo em lingue estrangeira: This dissertation consists of four articles and aims at evaluating the use of healthcare information systems as sources for the monitoring of early neonatal death and scientific publication in Brazil. This aim is justified by the importance of the early neonatal component in infant mortality and by the large amount and relevance of information available in the systems. The quantitative analysis is divided in two axes: the authors own use of the databases and the assessment of scientific articles from MEDLINE/PubMEd. Two population based systems were chosen: the Mortality Information System (SIM) and the Live Birth InformationSystem (SINASC); the third system is the record hospital assistance form the SUS network, the Hospital Information System (SIH). The first article describes how the probabilistic record linkage can be used to relate data fron SINASC and SIH in order to asses underreporting of live births on SINASC. The second article compares the results of the linkage between SINASC and SIH with the data made available on the Internet by DATASUS. The third article analyses the multiple causes of earlyneonatal death by means of the Grade of Membership (GoM) method. The fourth article is a bibliometric study articles from MEDLINE/PubMed, and assesses the growth and some characteristics of the scientific publication based on data from SIM, SINASC and SIH in the years of 1990-2006. The results indicate that: 1) the process of making compatible and linkage of database is still considerably difficult; 2) underreporting of live births occurs even in medium and large sizecities in Minas Gerais; 3) the analyses of multiple causes of death by GoM can reveal differences in the profiles of early neonatal deaths according to the hospitals legal statuses; 4) there has been a considerable growth in Brazilian scientific production based on thisinformation systems from the year 2000 onwards. The final comments discuss the main results and highlights possibilities to potencialize the use of the national information systems as sources for scientific research.
URI: http://hdl.handle.net/1843/ECJS-77GGPX

Files in this item

Files Size Format View
eliane_de_freit ... de_informa__o_em_sa_de.pdf 3.756Mb PDF View/Open

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record